You are currently viewing Como investir na bolsa americana

Como investir na bolsa americana

Um dos maiores desejos de qualquer investidor brasileiro é saber como investir na bolsa americana e conseguir chegar ao ponto de ter uma carteira de investimentos até mesmo fora do Brasil, não é? Ainda mais com moedas estrangeiras como o Dólar e o Euro estando estabelecidas em altos patamares frente ao real, investir em ativos que possuam cotações nessas moedas pode ser fundamental para o sucesso e a segurança dos seus investimentos.

Afinal, se tem um investimento que pode ser considerado seguro para brasileiros é o dólar.

Uma das motivações para essa segurança é o simples fato de que o dólar está atrelado à economia americana, que ainda é a mais forte do mundo. Além disso, a maioria dos investidores sempre corre para opções como essa em tempos de crise, fortalecendo-a ainda mais.

Se um dos motivos para a fuga dos investidores dos mercados brasileiros é o Risco Brasil, o contrário pode ser dito de investimentos em países sólidos como Estados Unidos e os países mais desenvolvidos da Europa.

Nestes países há baixas taxas de juros, o que em tempos de economia global em crescimento levam a ganhos muito baixos comparativamente a países emergentes ou subdesenvolvidos. Essas taxas levam em consideração o risco que há ao investir num determinado lugar, ou seja: quanto mais risco, maiores as chances de calote. Para fazer uma compensação deste risco, há uma taxa maior a ser paga.

Ou seja…Se você tem interesse em realizar investimentos nos Estados Unidos e não sabe como fazê-lo, a hora é agora.

Veja também este post: Como Investir em ações na Bolsa de Valores Brasileira – B3

Com a crise gerada pela pandemia do novo coronavírus, muitos investidores estão indo atrás de investimentos em empresas, fundos de investimento e renda fixa nos Estados Unidos. Além, é claro, do dólar.

Sendo assim, trazemos aqui um Guia Completo sobre como investir na bolsa americana com segurança!

Vamos lá?

Quais as vantagens de investir nos EUA

Como dissemos na introdução deste texto, investimentos nos Estados Unidos são uma boa forma de fugir das crises, principalmente de um país como um Brasil que tem crises recorrentes.

O primeiro ponto a ser considerado é a liquidez – Afinal é ela que determina quando um investimento vale ou não o risco.

Na bolsa de valores americana, é possível encontrar, de maneira geral, liquidez muito maior se comparado a outras ações no mercado.

Outro ponto importante é a gama de opções – por possuir um mercado mais abrangente, você nunca ficará sem opções de investimento.

Além disso, se você busca investir e economizar ao mesmo tempo pode ser uma boa opção – visto que as ações podem ser mais baratas do que as encontradas no Brasil.

Os ETFs que citaremos no decorrer do post também são uma vantagem, visto que se equiparam a uma bolsa de valores.

Por fim, tem pressa para começar a investir? Você não precisa mais esperar – a bolsa de valores americana funciona 24 horas por dia.

Quais as desvantagens de investir nos EUA

No tópico anterior, abordamos as maiores vantagens oferecidas ao investidor que aposta em ações americanas.

Entretanto, é necessário considerar os riscos atrelados – afinal, todo investimento pode apresentar baixas.

De modo geral, o processo de declaração de imposto de renda pode ser mais burocrático – o que pode trazer problemas aos iniciantes.

Além disso, apesar das vantagens, precisamos lembrá-lo que por se tratar de uma renda variável, se o mercado oscilar, os seus lucros irão acompanhá-lo.

Por fim, é necessário estar atento ao investir em uma área desconhecida na bolsa de valores – sem o conhecimento necessário, o risco poderá ser maior.

Tipos de investimentos nos Estados Unidos

Nos Estados Unidos existem diversos tipos de investimentos. Assim como no Brasil, há títulos, ações, fundos de investimento, fundos imobiliários, entre outros.

Detalharemos os principais deles nos tópicos abaixo!

Investimentos em Stock (Ações Americanas)

Esse com certeza está entre os tipos de investimento mais conhecidos em qualquer lugar do mundo. Ao investir em ações, é como se você estivesse comprando uma pequena fração do capital de uma empresa, esperando que ela se valorize no futuro para posteriormente conseguir vendê-la.

Nos Estados Unidos há diversas bolsas de valores, mas são duas as principais:

NYSE

A New York Stock Exchange – NYSE é uma das mais antigas bolsas de valores do mundo, e com certeza a mais icônica entre todas elas.

Criada em 1817 e contando hoje com papéis de mais de 2500 empresas, a NYSE movimenta mais de 20 bilhões de dólares anualmente, sendo a maior do mundo nesse tipo de negócio.

NASDAQ

Por outro lado, a NASDAQ é a segunda maior bolsa de valores do mundo, mesmo tendo sido criada bem mais recentemente que a NYSE e outras bolsas de valores espalhadas ao redor do mundo.

Fundada em 1971, a Nasdaq é bastante conhecida por ter empresas fortes de tecnologia, eletrônicas e de inovação. Conta com mais de 3 mil empresas em diversos tipos de ações.

Investimentos em Fundos de Investimento

Os fundos de investimento ou ETS na sigla inglesa também são negociados em bolsas de valores como se fossem ações, porém com algumas diferenças.

No mercado americano existem diversas outras opções de ETF que replicam índices de diversas setores e subsetores da economia, como por exemplo: Aeroespacial e Defesa, Agricultura, Serviços Bancários, Biotecnologia, Blockchain, Cíber segurança e diversos outros.

A maioria dos ETFs segue cotações de índices diversificados. Por exemplo, você pode escolher investir em papéis de um fundo de investimento ETF de commodities, moedas e até mesmo outros tipos de riquezas como ouro e petróleo.

Nesses casos, o que você compra é como se fosse uma ação daquele determinado material. Se o ouro sobre, os ETFs de ouro sobem.

O raciocínio é análogo: Comprar esperando um crescimento de valor para vendê-la e obter lucro.

Investimentos em REITs

Uma das formas de investir nos EUA é através dos REITs, entenda como se fossem os “Fundos Imobiliários Americanos”, são empresas que são criadas para focar no mercado de imóveis. Elas compram e operam com imóveis de forma a obter renda para seus investidores.

No mercado americano existem diversas opções de setores de REITs para investir, como por exemplo: escritórios, prédios de apartamentos, depósitos, centros de varejo, instalações médicas, centros de dados, torres de celular, infraestrutura e hotéis.

Conheça agora sobre alguns dos REITs citados acima:

REITs de Escritório

Os REITs de escritórios possuem e administram imóveis de escritórios e alugam espaços nessas propriedades aos inquilinos. Essas propriedades podem variar de arranha-céus a parques de escritórios. Alguns REITs de escritórios se concentram em tipos específicos de mercado, como distritos comerciais centrais ou áreas suburbanas. Alguns enfatizam classes específicas de inquilinos, como agências governamentais ou empresas de biotecnologia.

Alguns exemplos que você pode estudar: Boston Properties (BXP) que possui um valor de mercado de 14,212 Bilhões de dólares e o Alexandria Real Estate Equity (ARE) que possui um valor de mercado de 23,147 Bilhões de dólares.

REITs de Instalações Médicas

Os REITs de assistência médica possuem e administram uma variedade de bens imóveis relacionados à assistência médica e cobram aluguel dos inquilinos. Os tipos de propriedade dos REITs de cuidados de saúde incluem instalações para idosos, hospitais, prédios de escritórios médicos e instalações de enfermagem especializada.

Alguns exemplos que você pode estudar: Welltower Inc. (WELL) que possui um valor de mercado de 25,289 Bilhões de dólares e o Ventas, Inc. (VTR) que possui um valor de mercado de 17,256 Bilhões de dólares.

Para se ter uma noção dos tamanhos desses REITs em comparação com os Fundos Imobiliários do Brasil, juntando os 4 maiores fundos imobiliários do Brasil em valor de mercado chegam a R$ 15,214 Bilhões, que são eles: KNIP11, KNRI11, KNCR11 e HGLG11.

Comparando apenas um dos REITs acima como o Welltower Inc. (WELL) com a união dos 4 maiores fundos imobiliários do Brasil em valor de mercado já pode ver o tamanho do mercado de REITs no EUA.

Por fim, por ter sua cotação feita em dólar, ganhar pelos aluguéis e morar no Brasil pode ser considerado também um investimento certo e de segurança. Isso se deve principalmente ao fato de você poder se dar bem com a valorização do dólar, que cada vez mais vem se consolidando no patamar acima de 5 reais.

Tem coisa melhor?

Veja também este post: Como investir em Fundos Imobiliários

Corretoras confiáveis para brasileiros investirem nos Estados Unidos

Passfolio

Uma das principais corretoras nos Estados Unidos para clientes brasileiros é a Passfolio. Com a possibilidade de realizar depósitos a partir de 1 dólar, hoje é muito mais fácil fazer investimento em capital estrangeiro.

Embora possa parecer complicado para muitos, hoje há a possibilidade de realizar esses depósitos sem a necessidade de um intermediário internacional como a TransferWise ou Western Union. É possível realizar depósitos na conta Passfolio apenas realizando um PIX (com compensação instantânea) ou através de TED.

Na Passfolio você pode investir em ações de mais de 3800 ações de empresas americanas e multinacionais, bem como ETFs e REITs.

Uma das grandes vantagens da Passfolio com relação às concorrentes (até mesmo brasileiras) é o fato de não cobrar nenhuma taxa pela corretagem dos investimentos (exceto para ações que custem menos de 5 dólares). Dessa forma, você tem a certeza de que o seu investimento não será corroído por taxas absurdas como a de algumas corretoras.

Sendo assim, a Passfolio é uma excelente Através de transferências por PIX e TED você consegue realizar os depósitos na Passfolio de maneira muito simples e começar a operar.

A Passfolio conta ainda com garantia de recuperação de fundos de até 250 mil dólares em dinheiro e 500 mil dólares em fundos mobiliários. Essa garantia é similar ao FGC (Fundo Garantidor de Crédito) que temos aqui no Brasil. Dessa forma, em caso de insolvência financeira da empresa ou até mesmo calotes, estes valores estão garantidos por instituições e fundos que fazem estas reservas como FINRA e SIPC.

Para saber mais sobre a Passfolio e como abrir uma conta nesta corretora, basta clicar no link a seguir: Passfolio – Corretora Americana para Brasileiros

Avenue

Corretora americana feita por Brasileiros

Outra boa opção de corretora nos Estados Unidos é a Avenue. Uma diferença dela para a Passfolio é que esta é uma corretora feita por brasileiros nos Estados Unidos, o que contribui e muito para a facilidade de integração e experiência do usuário com esta corretora.

Há a possibilidade de fazer a criação de uma conta gratuita, porém há também um plano “Premium” que dá acesso a diversas facilidades para quem quer investir.

Quer alguns exemplos? Vamos lá:

  • Carteira Recomendada – Através deste bônus você terá acesso a uma carteira que equilibra riscos menores e com possibilidades de lucro alto.
  • Cotação em Tempo Real – Para quem se interessa em fazer daytrade diretamente na bolsa de valores, essa é uma opção extremamente necessária. Através da interface Avenue você poderá acompanhar os movimentos do mercado na tela do seu computador ou smartphone em tempo real e determinar quais os próximos passos a serem dados.
  • Ações em Destaque – Através dessa função você poderá conhecer ações que tem tido bons retornos recentes e perspectivas de crescimento.

Para saber mais e abrir a sua conta na Avenue, clique na imagem abaixo:

Dicas para quem quer investir nos Estados Unidos

Não há dúvidas de que investir nos Estados Unidos é de fato uma das melhores opções para quem quer associar rentabilidade e segurança.

Entretanto, como em qualquer investimento que você possa ter ou fazer, a dica de ouro é: Não invista num ativo só ou num lugar só.

Ao diversificar os investimentos e os rendimentos, você ganha segurança e diminui consideravelmente os riscos de ficar sem renda (ou até mesmo levar sérios prejuízos).

Sendo assim, se você tem condições de investir em moeda estrangeira, faça-o, mas sempre tomando esses cuidados.

Se você ainda não é investidor e quer passar a ser, a primeira dica que te damos é: Diversifique a sua carteira de investimentos.

Mais tarde te explicaremos um pouco mais sobre o porquê de você precisar tomar esse cuidado antes

Por fim, conheça algumas ações americanas que tiveram retornos surpreendentes!

E aí, se interessou pela bolsa de valores americana? Para motivá-lo resolvemos trazer alguns exemplos de ações rentáveis que deram super certo!

●    Mercado Livre (NASDAQ: Meli)

Você já deve ter ouvido falar do mercado livre, não é mesmo? Isso se já não tiver a sua própria conta no aplicativo de compra e venda!

Com as restrições apresentadas no decorrer do ano, muitas pessoas optaram pelas variedades oferecidas pela plataforma.

Esse é o nosso primeiro exemplo – que apresentou um crescimento enorme em meio a pandemia em 2020.

●    Zoom (NASDAQ: ZM)

Primeiramente, o Zoom é uma plataforma totalmente voltada para videoconferências – por aplicativo ou totalmente pela internet.

Para acessar seus benefícios, seus usuários precisam efetuar um cadastro simples e rápido.

O Zoom é o nosso segundo exemplo que alavancou em 2020.

No ano de 2020 muitas coisas passaram a ser feitas online, incluindo o home office – uma alternativa para não perder o contato estabelecidos nas empresas foram as videoconferências e reuniões online.

Além disso, o mesmo se aplica a aulas, que passaram a ser totalmente remotas – sendo aplicadas a plataformas do gênero.

Sendo assim, o negócio deu super certo e ajudou diversas pessoas.

●     Netflix (NASDAQ:NFLX)

Por último e completando nosso post a famosa: Netflix.

Independente do momento, conquistou o mundo todo e continua crescendo desde sua origem em 1997.

Apesar do mercado estar se expandindo no ramo de promoções de filmes e séries – a Netflix ainda é uma das maiores procuras das pessoas – e é claro que não poderia ficar de fora.

Os exemplos de retornos dos ativos mostrados acima mostram que é possível encontrar bons investimentos na maior economia do mundo, os Estados Unidos da América, e com isso, manter de forma diversificada globalmente no seu portfólio de investimentos.

Mas é bom lembrar que “Retornos passados não é garantia de retornos futuros” e também que “Todo tipo de investimentos envolvem riscos de perda de capital”.

Comente o que você achou desse artigo!!

Me siga no Instagram: @carteiramilionariaoficial

Deixe um comentário

2 + catorze =